14 junho, 2013

Desvia 115 mil euros da Junta, para uso pessoal.



A corrupção alastra-se a todos os níveis, gente honesta, precisa-se. Urgem leis capazes de desincentivar e travar os desonestos.
É impossível segurar a corrupção quando as leis a permitem ou mesmo apoiam. É impossível travar a corrupção num país onde os cidadãos acreditam, cegamente, que democracia e cidadania é apenas ir votar sem pensar, sem julgar, sem penalizar, sem fazer justiça, sem estar informado e sem mudar nada.


"Ex-autarca confessa que "desenrascou" amigos com dinheiro da Junta.
Ministério Público acusa Domingos Oliveira dos crimes de falsificação de cheques e peculato, por alegadamente se ter apropriado de quase 115 mil euros. O ex-presidente da Junta de Perelhal, em Barcelos, confessou em tribunal ter utilizado dinheiros públicos para resolver problemas pessoais e para "desenrascar" amigos, mas garantiu que já devolveu tudo.
Domingos Oliveira, que esteve na Junta de Perelhal durante 33 anos, os três primeiros como secretário e os restantes como presidente, disse que o dinheiro foi usado não só para ultrapassar "circunstâncias" da sua vida, nomeadamente relacionadas com o divórcio, mas também para "desenrascar" amigos.
"Considero que não cometi crime algum, porque não me apropriei de valor algum da Junta. É verdade que usei algum dinheiro da Junta em circunstâncias especiais da minha vida, mas devolvi tudo. Nada devo neste momento", referiu Domingos Oliveira.
A um amigo "que estava aflito" emprestou 35 mil euros da Junta, um empréstimo que seria apenas "por dois ou três dias", mas que até hoje continua por saldar. "Eu é que fiquei sem o dinheiro, a Junta já o tem", ressalvou, sublinhando que "nunca" foi sua intenção ficar com o dinheiro público que, quando precisava, utilizava para fins pessoais.
Segundo a acusação, em causa estão cheques enviados pela Câmara de Barcelos, que o arguido depositaria na sua conta pessoal, depois de os endossar falsificando a assinatura dos outros membros do seu executivo e de colocar o carimbo da Junta.
Ainda segundo a acusação, Domingos Oliveira manipulou as contas de gerência da Junta de 2005, 2006 e 2007, fazendo constar na rubrica "receitas da Câmara" valores "muito abaixo" dos efectivamente transferidos pelo município.
O processo foi espoletado por uma queixa apresentada no Ministério Público pela líder da oposição na assembleia de freguesia de Perelhal, Maria Madalena, após notar "sistemáticas discrepâncias" nas contas que eram apresentadas pela Junta.
Domingos Oliveira foi presidente da Junta, eleito pelo PSD, até 2009." fonte

O poder local despesista e corrupto
Os milhões para as autárquicas
As bombas de combustível 
As câmaras invertidas 
Exemplos de despesismo 
Relvados de Braga
Império de Braga
Luxos de Braga
Seixal generoso
O imperador Valentim Loureiro
Loures um albergue de boy
A incompetencia sai muito cara
Sociedades e fusões
Ajudar amigos
As birras
Familia Madeirense
O abuso
O abuso continua
Vinhos, festas e afins
Festas e festejos
Computadores de diamante?
O caso da piscina de Braga.
O caso dos candeeiros do Siza Vieira
O caso do pombal escolar
O caso da casa de cinema
O caso do pavilhão de Viana
O caso das pistas para carros (de brincar)
O auditório de Viana
As piscinas da Azambuja
O caso da Madeira
O exagero
Enriquecer amigos

16 comentários :

  1. E quantos mais do género existem no pais, nao esquecendo presidentes da câmaras e vereadores.

    ResponderEliminar
  2. Alguém me sabe dizer porquê existem 308 munícipios, os mesmos que em 1832, quando não havia estradas e se andava de burro, e 180 anos depois, se quer manter o seu número?
    É só esquemas...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Rendem imenso... dão dinheiro aos parasitas dos partidos e amigos e mantêm o povo fiel aos que dominam o poder local, ps ou psd

      Eliminar
  3. alguem me sabe dizer porque é que os eleitores deixam(votando ou abstendo-se) deixam que ganhem eleiçoes os mesmos que enterraram o país talvez para vinte anos - vejam na sic.pt o ultimo negocios da semana com J.G.Ferreira e Paulo Morais; não estão lá diz que disse, estão la numeros que até a mim me assusta.tambem o tretas.org tem documentaçao que assusta vendo quem esta para ganhar as proximas eleiçoes; usem a cabeça porra!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. as eleições são manipuladas como tudo o resto. A unica forma de fazer frente ao curso da ditadura monopolista é fechar a torneira que alimenta o Estado de onde estes senhores continuam a retirar os seus proventos de forma directa ou indirecta. O individualismo dos cidadãos cada um defendendo o seu pedaço está a ajudar a implantação da Nova Ordem Mundial.

      Eliminar
  4. Um apelo a este blog!

    Este sistema exemplarmente dirigido por gente de dignidade ao nível das víboras, que para o criminoso - já confessou - Oliveira e Costa deixou passar 4 anos para concluir - calcule-se - que o julgamento não é nesta taberna mas na do lado, foi muito célere a condenar em 1200 euros um alma indignada que disse ao Cavaco o que ele merece ouvir, muitas vezes e muito mais!

    Bastou uma semana a esta in(justiça) que os impostos do povo pagam, para resolver esta situação mas, para condenar um criminoso confesso, "por acaso" amigo do Cavaco, vê-se...

    Tudo isto, acompanhado de propaganda intensa nos media do regime, para amedrontar todos aqueles que pudessem vir a ter a coragem de colocar os pontos nos is, aos ouvidos da palhaçada dominante.

    Este blog deve abrir uma conta, divulgar o nib aqui e solicitar a todos os que queiram doar 1 euro para ajudar a pagar as multas a gente honrada, que diga a verdade na cara destes usurpadores da democracia.

    Depois, poderá lançar uma campanha junto de todos os blogs honrados e lançar uma operação de solidariedade nacional, digna de um povo revoltado, que não deixa que um sistema cobarde, vendido e descarado lhe amordace a alma.

    A qualidade de quem nos governa não pode ficar calada na boca do povo.
    Deve ser gritada aos ouvidos de quem merece ouvi-la.

    1 euro de cada um de nós para os heróis que que gritam a verdade aos ladrões e corruptos que nos esmagam servindo-se do sistema democrático.






    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro anónimo... realmente eu gostaria de fazer tudo isso e muito mais e a sua ideia é muito generosa altruísta e plena de civismo, no entanto eu sou uma pessoa sózinha, jamais conseguiria empreender tamanha tarefa, juntamente com o que já faço aqui no blog.
      A minha intenção é acordar e indignar as pessoas para que seja possível aquilo que o sr e todos ansiamos que o sejamos um povo "que não deixa que um sistema cobarde, vendido e descarado lhe amordace a alma."

      Eliminar
  5. É espantoso o descaramento da repetição com que a televisão pública portuguesa "noticia" o fecho da tv pública grega.

    Com dezenas de milhares de portugueses a perderem diariamente os empregos, a maior preocupação desses protegidos dos partidos que nos roubaram, roubam e querem continuar a roubar é a tv pública grega.

    Pessoalmente preferia ver a rtp acabar, e depressa, do que ver fechar qualquer fábrica do Vale do Ave.

    Que querem? Tenho esta predilecção por quem trabalha muito, recebe pouco e é explorada nos impostos que paga por espertos como os chulos da rtp...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E BEM... Relvas:
      “Não aumentaremos a publicidade na RTP” pois isso “seria matar outros órgãos de comunicação (....) Não contem comigo para matar os outros órgãos de comunicação” social, afirmou Miguel Relvas na comissão Parlamentar onde garantiu que não se vai aumentar o período de publicidade permitido à RTP.
      Actualmente a RTP1 tem um limite máximo de seis minutos de publicidade por hora e a RTP2 não tem qualquer publicidade." fonte
      As privadas possuem o dobro do tempo e infringindo a lei, até o ultrapassam.

      Por outras palavras... ele recusa-se a retirar algum lucro ás TV´s privadas porque não as quer matar, apesar de estas terem vantagens em relação à RTP, ele não as quer prejudicar, mas descansem e contem com ele para matar milhares de em

      ARTIGO COMPLETO: http://apodrecetuga.blogspot.com/2013/02/nao-contem-com-o-relvas-para-prejudicar.html#ixzz2WHik37jg

      Eliminar
  6. Aqui vai a minha contribuição, para mudanças no País
    Se aproveitável, estou disponível.
    Enquanto cidadão preocupa-me o estado actual do País.
    O compadrio, apadrinhamentos, afilhados e afins levaram e levarão o País ao fundo.
    Ninguém acredita em ninguém. De facto não basta dizer sou Honesto-tem de se provar.
    Assim , tem de ser baseado na desconfiança que reina actualmente,que se pode ainda propor algo, que as Pessoas, mesmo desconfiadas, possam ainda experimentar.
    Ao apresentar a proposta tendente à actuacção do PARTIDO POLÍTICO, faço-o porque pretendo de facto um Novo Partido e não mais um, semelhante aos existentes. Desde o sorteio por todos os militantes para integração dos ÓRGÃOS REPRESENTATIVOS, quer a nível regional quer a nível nacional para integração das listas concorrentes às eleições, passando pela adopção constante e permanente dos REFERENDOS, para resolução de todos os problemas e adoptando totalmente o respeito pela “DECLARAÇÃO DOS DIREITOS DO HOMEM” e o princípio de “NÃO FAZER AOS OUTROS O QUE NÂO QUERES QUE TE FAÇAM A TI”, demonstra que efectivamente o Partido se propõe aparecer, com uma dinâmica de actuação NOVA..

    Recepção de propostas e as propostas vencedoras dos referendos serão lideradas pelos subscritores, pois só assim,terão credibilidade e êxito.


    Forma de actuacção:
    1-recepção de todas as propostas, para referendo
    2-apresentação para votação das mesmas e apuramento dos resultados.
    3-o subscritor da proposta mais votada, será o responsável pela área em questão, com funções de governação.
    SIM É POSSIVEL INTERVIR NA VIDA PÚBLICA RESPEITANDO OS OUTROS E PROVANDO-SE HONESTIDADE .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro anónimo, não sei o que pretende ao colocar este texto por todo o blog.
      Não adianta andar com propostas de alternativas pois é o mesmo que pedir água mil vezes no deserto. As alternativas todos conhecemos, basta sermos honestos para saber quais são as alternativas, o que se precisa é de pessoas que descubram como exterminar o que lá está, e não que proponham algo novo sem que ninguém saiba como retirar o poder instalado que jamais aceitará propostas a PEDIDO, propostas a pedirem que se faz favor deixem viver a democracia, por favor deixem de roubar, por favor sejam justos...
      É ridiculo pois todos sabemos que eles jamais deixarão que lhe toquem no seu império de poder e dinheiro, com essa facilidade.
      Que me adianta a mim escrever por todo o lado,
      Queremos um governo justo, competente, honesto, eficiente, queremos uma justiça célere, e queremos as estradas sem buracos e as autoestradas sem portagens???
      Se sabemos que não é assim que se consegue... que sem retirar os traidores da pátria do poder nada se consegue que nos favoreça a nós povo e que os favoreça a eles?
      Por isso peço-lhe que não esteja a colocar isto todos os dias, pois é em vão.

      Eliminar
    2. Aliás tenho no blog várias propostas , mas como sempre esbarram nos parasitas que não gosta nada delas.
      1. Reduzir as mordomias (gabinetes, secretárias, adjuntos, assessores, suportes burocráticos, carros, motoristas, etc.) dos três ex-Presidentes da República.

      2. Redução do número de deputados da Assembleia da República para 180, profissionalizando-os como nos países a sério. Reforma das mordomias na Assembleia da República, como almoços opíparos, com digestivos e outras libações, tudo à custa do pagode.

      3. Acabar com centenas de Institutos Públicos e Fundações Públicas que não servem para nada e têm funcionários e administradores com 2º e 3º emprego. Albergues de Boys.

      4. Acabar com as empresas Municipais, com Administradores a auferir milhares de euro/mês e que não servem para nada, antes acumulam funções nos municípios para aumentarem o bolo salarial respectivo.

      5. As empresas de estacionamento não são verificadas porquê? E os aparelhos não são verificados porquê? É como um táxi, se uns têm de cumprir porque não cumprem os outros? e se não são verificados como podem ser auditados?

      6. Redução drástica das Câmaras Municipais e Assembleias Municipais, numa reconversão mais feroz que a da Reforma do Mouzinho da Silveira em 1821.

      7. Redução drástica das Juntas de Freguesia. Acabar com o pagamento de 200 euros por presença de cada pessoa nas reuniões das Câmaras e 75 euros nas Juntas de Freguesia.

      8. Acabar com o Financiamento aos partidos, que deveriam viver da quotização dos seus associados e da imaginação que aos outros exigem, para conseguirem auto-sustentar-se e obter verbas para as suas actividades.

      9. Acabar com a distribuição de carros a Presidentes ...
      ARTIGO COMPLETO: http://apodrecetuga.blogspot.com/2011/10/os-cortes-que-os-politicos-nao-querem.html#ixzz2WHl083nf

      Eliminar
    3. Por isso peço-lhe que não esteja a colocar isto todos os dias, pois é em vão

      nunca se sabe até onde chegará.,pelos vistos a si incomoda-a, mas se acha que é o melhor, respeito a opinião ,mas não concordo.
      Espero que não defenda que a solução, seja continuar com as mesmas estruturas e esperar que o ser humano ,seja diferente do que é.
      De qualquer modo gostaria ,que visto que a minha proposta "Por isso peço-lhe que não esteja a colocar isto todos os dias, pois é em vão", dissesse qual a solução ,para modificar para melhor a nossa Sociedade

      Eliminar
    4. Uma coisa e colocar um de vez em quando, outra é colocar 10 por dia no meu blog. Isso incomoda até porque é um texto grande e cansa os seguidores do blog, como deve compreender.
      Como lhe disse propostas há aos milhões... agora o que ninguém propõe é como retirar do poleiro os que impedem todas as propostas de avançar.

      Eliminar
    5. Pelos vistos, incomoda e não agrada uma proposta, equidistante dos partidos existentes.
      que procura não ter pastores nem iluminados, a liderarem para o mesmo de sempre.
      Históricamente éstá provado, por todo o lado,que com a organização e estruturas existentes , sempre deu no mesmo guerra e corrupção.
      Pessoalmente posso não saber para ou por onde vou, mas pelo que existe não vou.
      Por isso a sugestão avançada ,e eu a pensar que não seria repudiado pelo blog, mas enganei-me.
      De qualquer maneira,já consegui algo, com que não contava, incomodar os pensadores, que pensam que só o que dizem está certo.
      Eu não tenho tal veleidade. e a proposta prova isso e além disso só a si ,a vi queixar-se .
      Espero que os meus comentários, não sejam retirados do blog, embora incómodos

      Eliminar
    6. Já vi que não quer ler o que eu disse... o que me incomoda é o spam que o sr faz. Não acho correcto da sua parte fazer do meu blog um local onde publica o mesmo 10 vezes por dia... as suas ideias não incomodam nada, logo que não as escreva mil vezes aqui no meu blog... Há que respeitar os outros comentadores e a mim-

      Quanto ao que defende já lhe expliquei... isso não terá efeito sem que antes se descubra como retirar do poleiro os que lá estão.
      Não adianta andar com propostas de alternativas pois é o mesmo que pedir água mil vezes no deserto. As alternativas todos conhecemos, basta sermos honestos para saber quais são as alternativas, o que se precisa é de pessoas que descubram como exterminar o que lá está, e não que proponham algo novo sem que ninguém saiba como retirar o poder instalado que jamais aceitará propostas a PEDIDO, propostas a pedirem que se faz favor deixem viver a democracia, por favor deixem de roubar, por favor sejam justos...
      É ridiculo pois todos sabemos que eles jamais deixarão que lhe toquem no seu império de poder e dinheiro, com essa facilidade.
      Que me adianta a mim escrever por todo o lado,
      Queremos um governo justo, competente, honesto, eficiente, queremos uma justiça célere, e queremos as estradas sem buracos e as autoestradas sem portagens???
      Se sabemos que não é assim que se consegue... que sem retirar os traidores da pátria do poder nada se consegue que nos favoreça a nós povo e que os favoreça a eles?

      Eliminar