15 julho, 2014

"Sócrates rebentou com Portugal, a mando do seu mentor que estava no Banco de Portugal."




O economista e ex-ministro da Economia Daniel Bessa afirmou que "o responsável número um da nossa desgraça é um banqueiro central", cujo nome, porém, omitiu.
"O engenheiro Sócrates é muito responsabilizado, e não há ninguém que o responsabilize mais do que eu, mas eu vejo-o como aquele egípcio que tomou os comandos do Boeing que se precipitou sobre as Torres Gémeas", comparou Daniel Bessa.
O economista, que fez parte de um Governo do primeiro-ministro socialista António Guterres, falava no jantar-debate promovido pela Associação Portuguesa de Gestão e Engenharia Industrial (APGEI), que teve como orador convidado o governador do Banco de Portugal, Carlos Costa.

Daniel Bessa disse que "já o Boeing ia a caminho das Torres Gémeas e ele [José Sócrates], no cumprimento de um guião qualquer, sentou-se ao comando, acelerou quanto pôde e, connosco lá dentro, enfiou-se contra as Tores Gémeas". "É um destino, não tem nada de mal, cada um cumpre a sua função na vida e portanto ficará para a história por isso. Mas essa não é a responsabilidade maior. A responsabilidade maior é do mentor, não é do executante, e o mentor estava no Banco de Portugal", prosseguiu Daniel Bessa, fazendo rir a assistência.
Segundo o economista, o mentor "disse que a partir da entrada no Euro, uma pequena economia aberta e financeiramente integrada, no regime de moeda única, não tem restrições financeiras. Endividar até sempre".
Bessa referiu-se antes a Carlos Costa como sendo "um banqueiro central atípico, que pensa nas questões da economia, do desenvolvimento e do futuro", referindo que o governador do Banco de Portugal "deu a entender" na sua conferência que "isto com consumo não é sustentável". "O caminho, é exportar, exportar, exportar", frisou.

MAIS FEITOS DO GRANDIOSO SÓCRATES
(não se esqueça de consultar o blog para conhecer mais grande feitos do PS e de outros partidos)
  1. A verdade das contas públicas
  2. Deixa buraco de 3,5 mil milhões no SNS
  3. No SNS
  4. No património nacional 
  5. Na Segurança Social
  6. Sócrates e a EDP
  7. Sócrates investe 
  8. Sócrates regressa 
  9. Os milhões de Sócrates. 
  10. As luvas de Sócrates
  11. O aeroporto de Sócrates
  12. A Sovenco de Sócrates 
  13. A manipulação de Sócrates 
  14. O resgate de Sócrates
  15. O BPN do Sócrates
  16. O inglês de Sócrates 
  17. A má gestão 
  18. A poderosa mãe de Sócrates 
  19. As SCUT´s de Sócrates 
  20. Sócrates e as Swap

6 comentários :

  1. Grande a impunidade deste Sr. Bessa, que foi ministro vejam lá bem de quem, exactamente do Sr. Eng.º. Guterres. Pois até parece anedota mas não é, estes senhores estiveram lá todos, mas mesmo todos sem excepção e agora vem armados em “Dão's Sebastiões” cheios de peito dizer que afinal a culpa é dos ouros, isto meus amigos é preciso ter lata e haja pachorra para aguentar tanta hipocrisia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O importante é que denunciem, e além do maís não seja radical, há muitos que estiveram na politica e não são corruptos, quer dizer são poucos mas há. Por exemplo o Mendes Bota é do psd e não é corrupto... é importante que saibamos reconhecer um corrupto mas tb é importante saber ver quem o não é... e repare que não estou a falar do Bessa porque desse sei pouco, mas existem vários exemplos que lhe poderei mostrar se estiver interessado.

      Eliminar
    2. Bom dia D. Zita, eu não chamei corrupto a ninguem, note. Eu só acho muito estranho é estes senhores que tiveram funções governativas e nada fizeram para travar este estado do país, agora é muito facil vir criticar os outros.

      Eliminar
    3. PSD/PS/CDS-PP : o Arco da Corrupção em Portugal16 julho, 2014 23:54

      Diz-me com quem andas, dir-te-ei quem és. - Provérbio Português

      Diz-me com quem andas e dir-te-ei quem és. Saiba eu com que te ocupas e saberei também no que te poderás tornar. - Johann Goethe

      Eliminar
  2. Há muitos, muitos que deveriam ir bater com os costados numa cela.

    ResponderEliminar
  3. falamos em SOCRATESE O DR VITOR CONSTANCIO, O PRINCIPAL CULPADOPK DIRIGIU O BANCO DE PORTUGAL TANTOS ANOS, E FINALMENTE O BARCO ESTA A IR AO FUNDO, COMO O OUTRO O PAIS ESTA DE TANGA , SIMPLESMENTE FUGIRAM AS RESPONSABILIDADES




    ResponderEliminar